Para pensar: Como lidar com tanta negatividade

17 de abril de 2014

lizzie-velasquez

Já tem um tempo que esse vídeo está rolando pela internet mas só agora eu parei para assistir. É uma palestra da Lizzie Velasquez, ela tem uma doença rara que faz com que ela não consiga ganhar peso, independente do que coma, é conhecida como “a mulher mais feia do mundo”. Ela fala um pouco sobre como ela enfrentou todos os problema da sua vida, a discriminação por parte das pessoas, e como usou toda negatividade para trazer coisas boas para sua vida. Vale assistir:

Assim que terminei de assistir, vi que existem dois pontos no vídeo que se encaixam muito com o perfil do blog. Primeiro a questão estética, hoje em dia todo mundo está em busca do corpo perfeito, muitas vezes nem por questões de saúde, mas porque a sociedade (e a mídia com todas aquelas revistas mostrando mulheres com corpos esculturais) impõe que você tenha um corpo perfeito. Ou você está magra demais, ou está gorda demais. E se está no peso ideal, não está definida o suficiente, ou o problema agora é o cabelo que é curto demais, comprido demais, com a cor errada para o tom de pele, usa muita maquiagem, usa pouca maquiagem, não sabe escolher a roupa adequada… A todo momento estamos sendo julgados por todos ao redor, já repararam nisso?

Todos devemos cuidar da saúde e até mesmo do corpo por questão de estética, mas sempre o principal motivo dele ser para nossa própria auto estima, nunca pelos outros, ainda mais se esses outros forem pessoas que você nem conhece.  O que eu não acho certo é quando essa nóia pela beleza exterior começa a afetar nossa vida, tem pessoas que deixam de tirar fotos, deixam de sair de casa, deixam de comer, por conta disso. Lembre-se, você tem que se amar como é, os outros são só os outros. Mesmo que esse outro seja seu namorado, seu marido, seus amigos. Eles não tem o direito de te manipular a querer mudar seu corpo, mude o namorado, mude o marido, mude os amigos. Aqueles de verdade te aceitam como você é e como você se sente bem.

Vou me usar como exemplo, eu sempre tive pernas super finas e um pouco de barriga. É feio? É feio, eu não gosto, mas não ligo também. Posso viver a base de frango e batata doce e malhar igual um atleta, e sei que vou secar e tornear as pernas, mas e meus doces que tanto amo? E a preguiça que eu tenho? Tenho pessoas ao meu lado que me aceitam como eu sou e eu simplesmente não ligo. Já me questionaram várias vezes se não tenho vergonha de usar roupas curtos e, pelo contrário, eu sempre uso shorts e saias curtas, tenho horror e um pouco de fobia de usar calças. E dai que as pernas são finas e parecem varetas? Pelo menos tenho duas pernas, concordam?

Comentei há um tempo atrás em um look do dia que eu amo saias que são mais rodadas e, são justamente o modelo que eu deveria fugir, porque elas dão a sensação de pernas mais finas ainda. Mas e dai? Eu amo o modelo delas, eu me visto e gosto do que vejo no espelho. E eu acredito que se a gente está se sentindo bem com o que está vestindo, nada mais importa, porque você vai transparecer confiante e bem, então as pernas mais ainda serão apenas um detalhe.

O outro ponto no vídeo que se encaixa com o perfil do blog é quanto as críticas, quanto as pessoas que nem te conhecem gostam de palpitar e mandar na sua vida. O que tem de gente trazendo negatividade não está escrito. Estou há 5 anos nesse ramo e, quanto mais você se expõe, mais as pessoas vão comentar e querer semear o mal. Já sofri muito com isso, já chorei com diversos comentários, já quis largar tudo, mas a gente vai aprendendo a lidar. Então o que eu quero é, de alguma forma, ajudar algumas pessoas que sofrem e se abalam com esses tipos de comentários.

Em qualquer profissão que você trabalhe, você sempre estará sujeito a críticas. Só que quanto mais você se expõe, maior é o alvo. Imagine, você está aqui tirando foto sua, fazendo vídeos e os comentários estão abertos a qualquer pessoa que tenha acesso – muitas vezes com a opções de anonimato. E eu não sei o que a internet causa nas pessoas que elas sentem que tem o poder de colocar o dedo na sua cara e falar o que quiserem. Nossa, mas porque você não faz uma rinoplastia? Porque você gasta tanto dinheiro com maquiagem? Porque você não faz um curso de inglês? Porque você não arruma um “emprego de verdade”? Porque você não mostra como é a sua casa? Porque você não faz vlog? Porque você não emagrece? Porque você não opera a sua orelha de abano? Porque você não faz um clareamento nos seus dentes? Porque você não arruma esse joelho torto? Nossa, como você se maquia mal. Você não sabe passar batom direito. Você tem uma voz muito irritante. Você precisa cortar o cabelo, precisa fazer a unha… Precisa fazer tanta coisa, porque não nasce de novo?

A maior questão é: porque tanta maldade? Existe uma diferença gigantesca com quem realmente se preocupa com você e te dá uma crítica para o seu bem, e aquela pessoa que quer te deixar mal de verdade, que está escrevendo aquilo de raiva. Pra que? As pessoas se sentem felizes e realizadas quando afetam os outros de forma negativa? O dia delas se torna melhor quando ofendem os outros? Mas o que eu mais quero saber, só porque eu me exponho eu tenho que aguentar tanto blá blá blá sobre a minha vida em coisas que não são da sua conta?

Agora você, que está do outro lado, que faz vídeos, que tem um blog, que tem qualquer profissão que seja que é exposta a ouvir essas agressões, não se abale. São pessoas que te conhecem tão pouco, te conhecem por uma página no blog, por alguns vídeos, são pessoas que não estão no seu dia a dia, não sabem dos seus problemas, dos seus sentimentos. Aliás, nem sabe o que são sentimentos. Por mais difícil que seja, não se abale por isso. Porque quem tem uma vida feliz, não perde tempo criticando a vida dos outros.

Como a Lizzie diz, faça isso te fortalecer. Use isso como um desafio e vá cada vez mais longe, seja mais vez mais feliz, tenha cada vez mais sucesso, cresça cada vez mais. Sabe aquela coisa da felicidade alheia incomoda? Pois então. Além de você deixar a pessoa com mais raiva ainda por você não ter dado bola e estar cada dia melhor, você ainda usou essa maldade para se fortalecer. Dê ouvidos a pessoas que são próximas de você e se importam com seus sentimentos de verdade, os outros, são só os outros.  

postado por
Priscila Paes

Comentários

    ótimo post,muito bom pra gente pensar refletir na vida,no que queremos e no que devemos ser…beijo

    Priscila Paes disse:

    Sim!! Muito bom né???

    Viviane disse:

    Arrasou Pri!!!

    Priscila Paes disse:

    Obrigada!!

    Bruna Seifert disse:

    Que engraçado, hoje mesmo estava pensando nessa nóia que as pessoas tem vivido em busca do corpo perfeito. Aí eu me pergunto “Pra quê?”, para você se sentir bem ou para ser aceita pelos outros? Tenho certeza que a grande maioria é pela segunda opção, querem impressionar, querem aparecer, querem mostrar o que na realidade não são. É triste! Como você disse, é bom fazer exercícios físicos e etc, mas deixar de comer chocolate por algo que vai apodrecer quando você morrer? Tem coisas muito mais importantes para se preocupar.
    Sobre as críticas, o grande problema é a falta de amor. As pessoas não se amam e não se aceitam, aí quando veem outra pessoa sendo feliz, querem destruir isso. Se você não se ama, não consegue amar o seu próximo. Falta amor, falta Deus. É triste, né?

    Priscila Paes disse:

    SIM, tem razão. A falta de amor é tamanha, que quem tem amor, as pessoas veem e querem destruir, né?

    Roselhe disse:

    Pri, você é demais. Super educada e sincera, esses valores que estão cada dia mais difíceis. Adoro voce e obrigada por ser assim como és!!

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada pelo carinho!! <3

    Pri (tudo bem se eu te chamar assim?),

    Primeiramente queria falar que sempre acompanho seu blog mas acho que nunca parei para aqui para comentar, de qualquer forma, queria te parabenizar pelo post. Tenho certeza absoluta que você vai ajudar muitas pessoas que nunca tinham visto esse vídeo antes e que estão precisando de um apoio emocional nesse exato momento.

    É realmente muito ruim ouvir críticas e tentar sempre de enquadrar no “padrão da sociedade”, seria muito mais fácil se cada um se aceitasse como é e buscasse apenas a felicidade, mas infelizmente isso é muito mais difícil do que correr atrás do que você não tem e do que gostaria de ter ou ser.

    Continue com o trabalho incrível que você faz, sendo sempre essa pessoa simpática e com auto-confiança, isso é uma das coisas mais preciosas que existe e admiro muito quem a tem. Continue ajudando pessoas seja com dicas, vídeos ou até mesmo “conselhos de amiga”, tenho certeza que você vai muito longe!

    Parabéns pela atitude e muito sucesso pra você!
    Beijinhos

    Priscila Paes disse:

    Claro, pode me chamar sim! =)
    Nossa, obrigada por todo carinho, fico até emocionada. Acho que esse vídeo deve ser passado adiante porque ele nos ensina muitas coisas, a Lizzie é fantástica. Obrigada de coração! <3

    Alessandra disse:

    Sempre dou uma olhadinha no blog, mas nunca comento. Hoje resolvi comentar, pois adorei seu texto, muito verdadeiro e importante nos dias de hoje. E só pra completar, eu adoro sua perna fininha, eu tenho perna grossa e detesto. Mas é o que disse, pelo menos temos duas pernas! Ótimo texto, beijos!!!

    Priscila Paes disse:

    Rssss, muito obrigada! Fico feliz e as minhas varetinhas também! =D

    Bru disse:

    Essa busca pelo aceitação alheia, se baseando apenas na aparência não em conteúdo, fez um ex namorado deixar uma amiga porque ela engordou e estava dificil de emagrecer. Hoje o enxergo como um “moleque” que ainda não entendeu que a beleza exterior vai embora, e o que fica é somente a beleza interna.
    Belo texto.

    Priscila Paes disse:

    Triste. Não pra ela, porque ela devia agradecer por uma pessoa assim sair da vida dela e abrir portas para um homem maravilhoso fazer ela feliz. Triste pra ele, que vai ficar iludido com esse pensamento tolo e vai acabar sozinho… e feio!

    Débora disse:

    Concordo muito com tudo o que vc disse, acho que nossa sociedade se alimenta de valores que não são reais e não podem ser sustentados e isso só gera frustração.. é fácil criticar o outro, o dificil é ser feliz com o que vc é e o que vc tem! Li um livro da Louise Hay e me ajudou muito quanto a minha percepção do meu eu e me ensinou que eu não preciso viver com gente tóxica e com conversinhas maléficas só por convenção! Já é dificil ser uma pessoa independente e feliz, e se cercar de pessoas criticar é desnecessário…Hj prefiro ser taxada de grossa do que aguentar idiotice e veneno só pra ser simpática! Bjs e ignore os cometários – principalmente o do emprego de verdade – pq acredite vc faz uma diferença na vida de muita gente todos os dias – de verdade!! Bjs e Boa Páscoa =)

    Priscila Paes disse:

    CONCORDO! Eu sou super a favor de acharem que eu sou grossa do que ter que aguentar certas coisas… Você pode me dizer qual é esse livro?
    Muito obrigada pelo carinho! Uma ótima Páscoa pra você também!

    Débora disse:

    Não sei se ficou claro no meu comentário.. mas teu emprego é ótimo! E mais que válido! E eu adoro!!

    Priscila Paes disse:

    Ficou sim, claro! =)

    Alba disse:

    Gostei muito do que você escreveu. Pareceu-me um grande desabafo de alguém que vem suportando por algum tempo, muita pressão. Faz bem jogar fora esse lixo, pois isso só serve para adoecer, mas, lembre-se que a força é algo que se aprende a ter com a vivência, bem do jeito da velha máxima “aquilo que não te mata, te fortalece”, e cada um tem seu tempo. Conheço uma senhora com grave problema de pele que a cobre de bolhas, como verrugas, e isso a impede de conseguir um simples emprego para sustentar-se. Infelizmente, a sociedade é assim: ou você é um manequim de loja, perfeita, ou sofrerá toda sorte de maledicência. Bom saber que você superou a que te feria. Boa Páscoa!

    Priscila Paes disse:

    SIM, é questão de viver e cada um tem seu tempo mesmo. Mas acho que um desabafo assim pode ajudar muita gente, sabe? Eu espero que ajude! A sociedade é foda… =) Boa Páscoa pra você também!

    Sara disse:

    Parabéns pelo post! É bom ler isso em um blog de dicas de beleza, principalmente porque é em sites como esses que procuramos referencias e formas de esconder ou não evidenciar nossos defeitos, e quando os assumimos e os aceitamos ficamos bem mais felizes e resolvidas. Foi isso que vi em você, e isso me fez admirá-la muito!

    Com certeza me fez refletir bastante sobre meus conceitos e a vã importância que dou aos pensamentos alheios.
    beijão.

    Priscila Paes disse:

    SIM, temos que aceitar algumas coisas, senão não vivemos. Temos que ser mais leves e aprender a absorver apenas aquilo que nos faz bem! <3

    Ana Araujo disse:

    Sabe Pri! Ás vezes eu queria fazer tantas coisas legais, como fazer vídeos, mostrar o rosto no blog, fazer maquiagens, coisas que sinto vontade, mas tenho medo das críticas. Eu e minha irmã evitamos de fazer um monte de coisas pro blog, por medo da opinião dos outros, pois é como você falou, na internet as pessoas são maldosas, falam muita besteira, te acompanho desde o início e vi você sofrer diversas vezes e passou por cima de todas. Você tem razão e adorei o texto! =)

    Priscila Paes disse:

    NUNCA deixe de fazer aquilo que você gosta por medo do que os outros vão falar. NUNCA! Não tenha medo de ser você mesma, porque do mesmo jeito que muitas pessoas vão vir te criticar (sempre tem uns infelizes), tem muitas pessoas que vão se identificar com você. As maldades vem, não tem jeito, mas temos que ser mais fortes que elas! =) Se solte e faça vídeos, tenho certeza que você e sua irmã vão se divertir muito!!

    RoTc disse:

    O modelo ideal de beleza não existe, nunca existiu não e é a toa que muda constantemente. Antes a moda era ser cheiinha, agora a moda é ter cabelo liso e ser magrela, meu…. isso não é vida. Tem muita menina que morre em busca dessa fantasia, desse sonho de beleza que não existe.]
    O que falta para essas pessoas é amor próprio, aparentemente quem está sempre em busca desse ideal são pessoas vazias e sem amor próprio e muitas vezes criticam nas pessoas o que não gostam nelas mesmas.
    Beijo~! ^^

    Priscila Paes disse:

    Morre, pior que morre mesmo e isso me deixa tão triste… É um horror isso que acontece! =(

    Luiane disse:

    Bah, ótimo texto Pri. Fiquei sem ter o que dizer a respeito, apenas que as pessoas leiam ele e reflitam.
    E sobre essas pessoas que só sabem julgar e querer que tu faça exatamente o que elas querem, a hora que elas querem.. Sinceramente, acho que essas pessoas não tem ninguém, nem a si próprias e aí acham que podem sair falando qualquer coisa para as outras pessoas.
    Beijos Pri. <3

    Priscila Paes disse:

    SIM, nem a si próprias. Triste né?
    Muito obrigada pelo comentário!

    laiza souza disse:

    Sou sempre aquela leitora fantasma, do seu blog, da G, da Kah, e clau .. Mas HOJE ,com esse post , você tocou meu coração . De verdade !
    Sempre sofri por ser baixinha, da perna grossa e da bunda grande. Na minha familia são aquelas modelos da barriga chapada e da perna fina que qualquer roupa fica boa !
    De um tempo pra cá ( E um pé na bunda ) eu fiquei na loucura de ficar com a perna fina, comer certo e malhar igual louca pra ter ” aquela barriga ” .
    Comecei a ter dor de cabeça,queda de pressão e passei por exames . Não posso ficar sem doce por que meu açúcar no sangue é ” pouco ” e descobri que tenho pressão baixa . Normal é 10/7 ou 10/8 – A minha normal – .

    Então, muito obrigada por me estimular a não ficar nos padrões. Acho que sofri isso muito tempo e mesmo querendo assumir que eu nunca vou vestir 36 ,eu precisava de um apoio moral .

    Então, Obrigada de verdade ,Pri ! ( É normal a gente achar que conhece a pessoa que acompanha ? Diz que sim pra eu não me sentir louca kkkkkkkkkk )

    Beijo grande ,Laiza ♥

    Priscila Paes disse:

    Olha só, e eu sou o contrário. Eu me acho alta (ok tenho 1,66m mas queria ser menor), tenho pernas finas e uma bunda normalzinha. Sei que nunca vou vestir um 42, só se engordar, mas não de gostosa. Mas aprendi a ficar nos meus 38 e sou feliz. Aprenda a amar seu corpo do jeito que ele é, não entre nessa nóia toda. Eu não largo meus doces e sempre, sempre, sempre, sempre vou na academia, fico 3 meses e largo! Hahahahahaha Temos que nos amar como somos, e eu tenho certeza que você é linda!!

    SIMMM, eu acho que conheço várias blogueiras que nem sabem que eu existo!! Hahahahahahahha

    Camila disse:

    Bom, parafraseando a grande pensadora contemporânea (segundo um professor de filosofia de brasília, minha cidade), Valesca Popozuda: beijinho no ombro pro recalque passar longe. se a pessoa tem tempo suficiente para ver um blog, ou um vídeo, e se dar ao trabalho de trollar a pessoa que põe a cara no mundo, essa pessoa tem tempo demais sem fazer algo de útil. pq não tenta, né. opinião todo mundo pode ter, mas se vc nem conhece a outra pessoa, vai cuidar da própria vida que deve estar com problemas.

    Priscila Paes disse:

    SIM!
    Olha, Valeska Popozuda sabe das coisas, viu!

    jessica T silva disse:

    Tenho tantas coisas pra falar, mas todas elas você já falou por mim no seu post. Acho muito importante pessoas como você, formadoras de opinião, darem esse tipo de “sermão para a vida” para que muitas leitoras, principalmente as mais novas, aprendam que certos valores que elas tanto idolatram hoje em dia são um pouco deturpados.
    Poucas pessoas sabem o quão guerreira da vida você é, e você tem toda a razão, eu te conheço muito pouco, mas esse pouco que eu te conheço eu admiro.
    Espero que um dia as pessoas voltem a ter mais respeito pelo próximo e por si mesmos.
    Bjs

    Priscila Paes disse:

    Também espero, viu. Comentei hoje mesmo no Facebook de uma amiga que é mais fácil encontrar respeito no trânsito do que na internet. Espero muito poder levar um pouco de calma para as meninas que sofrem com esses comentários! Obrigada por todo carinho!

    Fernanda Rimes disse:

    Adoro tanto vc!!! Mandou muito bem no post!! Passo por aqui todo dia para ver o que vc escreveu simplesmente pq acredito em vc e no seu trabalho! Obrigada por isso! E estava morrendo de saudades dos seus vídeos porque sempre que me maquio penso em vc e nas suas dicas. Obrigada, obrigada, obrigada!!!

    Priscila Paes disse:

    OHN, eles vão voltar. Essa semana queria muito ter gravado um mas foi uma loucura meus dias, quero ver se no feriado consigo compensar. Obrigada por todo carinho! Eu que tenho que agradecer! =D

    Adriana disse:

    Isso mesmo Pri, não se deixe abalar por comentários de pessoas maldosas, vc é muito melhor que isso e seu blog é maravilhoso. Essas pessoas que deixam comentários maldosos são pessoas infelizes que se escondem atrás de uma tela e acham que tem o direito de apontar o dedo pra alguém. Continue fazendo o que vc faz com tanta dedicação e nós leitoras amamos. ;)

    Priscila Paes disse:

    SIM, são pessoas muito infelizes!
    Obrigada querida!

    Sabrina disse:

    Pri, a algum tempo descubri seu blog e desde então não me canso de entrar nem que seja uma vez por dia! HAHAHA Vc realmente tem o dom de ser blogueira e aqui vemos realmente oque queremos (parece até que voce lê nossos pensamentos) Um grande abraço e continue sempre assim ;)

    Priscila Paes disse:

    OHN, que fofa! Muito obrigada por todo carinho! <3

    Paula disse:

    Ei Pri! Eu penso muito nessa questão do poder que o anonimato dá às pessoas na internet. Muita gente se sente no poder de falar o que quiser em blogs, redes social, em comentários de notícias (sem saber do que está falando, sem crítica nenhuma em relação ao que é noticiado). Já vi até um professor de antropologia falando sobre esse fenômeno. Minha interpretação do que ele falou é que isso é forma de aliviar o recalque das pessoas! ahahah!

    Quando eu não gosto de uma blogueira eu simplesmente não a sigo, não fico fazendo grosserias. Me sinto melhor com essa postura.

    Quanto a você Pri, te sigo há muito tempo, fico muito feliz que vc esteja nessa fase de superar a negatividade alheia. Quanto mais sucesso vc tiver, mais vc vai precisar dessa capacidade. Claro que não é do dia para a noite, é um exercício diário, com o tempo vamos fortalecendo, como vc já deve ter percebido.

    Vc conhece o blog hoje vou assim off? Ele é super nessa onde de ser feliz como se é, passa uma energia muito boa.

    OBS: vc fica ótima de saia rodadinha

    Priscila Paes disse:

    Sim, é um exercício diário. As vezes claro que tem um ou outro comentário que te tira do sério, mas a gente vai levando. Conheço sim, inclusive conheço a Ana pessoalmente, ela é um doce!! =D Obrigada por todo carinho!!!

    Erilene disse:

    tudo que vc escreveu nesse post e a mais pura verdade.quando eu tinha uns 15 anos eu era super magra e as pessoas viviam me mandado ir para academia me mandando tomar varias vitaminas pra engorda era uma chatice mas graças adeus nunca seguie nenhuma dessas receitas, eu gostava do meu corpo .hoje tenho 19 to com um corpo otímo recebo muitos elogios e eu não precisei fazer nada pra mudar o meu corpo ele mudou naturalmente. parabéns adoro seu blog

    Priscila Paes disse:

    As pessoas se incomodam demais com o corpo alheio, né?

    amanda disse:

    Pri, o vídeo do post é o da make da malévola… Esta certo??? PS amei o posto, muito bacana!!!

    Priscila Paes disse:

    Ahn? Não, não é esse vídeo que está no post.

    Mônica disse:

    Pri, tenho grande apreço por vc, o seu blog é o que mais me identifico de todos (e olhe que são muitos) dos que sigo. Parabéns pelo post! Super me identifiquei. :*

    Priscila Paes disse:

    Ohn! Muito obrigada, querida! Fico muito feliz!

    Cássia disse:

    Eu já tinha visto a foto da Lizzie. Mas não sabia quem era ela. A primeira vista uma menina muito feia. Mas depois se assistir o vídeo, vi o quanto ela é linda. E tem a melhor das belezas, a interior. Ela se ama, tem garra, acredita nela mesma. E uma auto estima que mulheres lindíssimas não tem nem um pouco.
    Me identifiquei porque sofri muito bullying. Na rua, na escola e dentro de casa. Por fim, se recebesse um elogio eu achava que era deboche. Sempre ouvi que com o corpo que tinha eu nunca ia casar, que nenhum homem quer uma mulher gorda. EU me sentia o coco do cavalo do bandido. Notava a diferença entre as minhas amigas magras e sempre com alguém, e eu gorda, diferente delas, e sozinha o tempo todo. Pra elas, tudo era coisa da minha cabeça, que eu era linda e tals. Os namorados falavam a mesma coisa, que eu era maneira, bonita.
    Até que sofri uma violência grande, parei de estudar, de trabalhar, entrei em deprê. E no meio do turbilhao eu vi que se eu ficasse pensando na minha aparência, ia ser pior pra mim. Mais um motivo pra me puxar pra baixo. Daí eu comecei a me cuidar, me arrumar, emagreci e passei a ser mais confiante em mim.

    Quanto a blog, de vez em quando aparecem uns xingamentos. Que minha unha é feia, pra cortar, que é nojenta. Quando comento que o esmaltes fez atenção na rua, dissem que minto pra aparecer. Enfim, aquele blá bláblá todo. Até que um dia me chamaram de um nome estranho e eu não sabia o que era. Fui pesquisar e soube que é uma entidade satânica. Tudo bem passou, só que dias depois comentaram me chamando da mesma coisa, e ainda disseram que me viram pelo ocioso. Daí, parecia meio que perceguição. Mas graças a Deus sumiu e não tive mais problemas.
    Já te falei pelo facebook, que não entendo o interesse das pessoas em saber da vida e meter o pau nas outras, Isso leva a que? Algum tipo de prazer? Eu acho que a pessoa que ofende, vai continuar sendo a mesma pessoa, enquanto o martelado, vai ser o prego que mais se destaca.
    Eu tenho coisas muito claras na minha vida, na minha mente. Que aqui tem espaço pra todos. Eu gostaria de conhecer mais pessoas, não conheço por falta de oprtunidade. Adimiro muitos. Você mesa Pri, é alguém que eu gosto de graça, sempre me trata super bem, e eu sempre fico feliz com as suas vitórias. Acho que é uma grandeza que Deus nos dá, que nem sempre praticamos muito. Se alegrar com a vitória do seu próximo. Mesmo que sua vida esteja uma merda, mas se alegre porque o seu amigo conseguiu o que queria. O próximo pode ser você.
    E te digo de todo coração Pri, a sua vitória é a minha vitória.

    Bjos!!

    Priscila Paes disse:

    OHN, você é uma querida. Essas pessoas são infelizes e te tornam cada vez mais infelizes fazendo esse tipo de coisa, né? Acompanho você e vejo que está cada dia mais radiante! Fico muito feliz por isso! =)

    Anice disse:

    Só não gostei da hora que vc diz: “pelo menos eu tenho pernas”. Isso foi ruim, as pessoas que não tem pernas não são piores nem melhores.

    Priscila Paes disse:

    SIM, mas eu quis dizer no motivo de agradecer por ter duas pernas, entende?

    Cami disse:

    Falou e disse Pri!
    O mundo tá cheio dessa gente que só dá valor em quem tem um corpo perfeito ao invés de dar valor ao respeito, à educação, à inteligência… e aqui na internet então, nem quero comentar… Educação e respeito as vezes passam longe…
    Mas esse tipinho mal educado e desrespeitoso não vai longe não, gente assim mal amada só tem a perder, enquanto pessoas educadas e com luz própria como você vão longe!
    Bjoka
    Cami (www.superbonitasbycami.com.br)

    Priscila Paes disse:

    Pois é! =(

    Debora disse:

    O livro da Louise Hay é Aprendendo a gostar de si mesmo – dai tem oaudio que colocava pra ouvir qdo ia dormir por 1 mês, fez uma diferença imensa na minha vida e me ajudou demais..

    Priscila Paes disse:

    Ahhh vou procurar!! Obrigada!! =D

    Karina disse:

    Pri, concordo com tudo que você mencionou no post. Já passei por isso. Há muitas pessoas infelizes que procuram enxergar nos outros defeitos que elas mesmos possuem e como estão de mal com a vida encontra como alternativa critircar os outros. Uma pessoa com boa autoestima e que tem muito o que fazer não tem a necessidade de fazer esses comentários maldosos. O melhor a fazer é ignorar . Pessoas assim não são dignas nem de compaixão

    Priscila Paes disse:

    SIM, exatamente!! =)

    cleise pinheiro disse:

    Que lindo!!! Esse texto só mostra que o seu caráter é lindo, como vc é por fora! Amei! Em relação as críticas eu sempre canto a música da Kelly Clarkson: ” What doesn’t kill you makes you stronger, stronger…Just me, myself and I …What doesn’t kill you makes you stronger . ah, amo seu blog! bjos

    Priscila Paes disse:

    EXATAMENTE!

    Franci Pacheco disse:

    “Porque quem tem uma vida feliz, não perde tempo criticando a vida dos outros.” Falou TUDO Pri, já assisti esse vídeo, e é emocionante, e esse teu post complementou super bem. Sem palavras.

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada querida <3

    Lu disse:

    Emocionante! Lindo vídeo!
    Eu tenho o costume de ler os comentáros das pessoas e já vi vários comentários bem agressivos por aqui, que me fizeram sentir mal por você. É complicado mesmo! acho que se colocar no lugar dos outros é sempre o melhor jeito pra não agredir e nem ofender ninguém. É tudo uma questão de educação mesmo! Pobres criaturas essas que precisam humilhar os outros para se sentirem bem. No fundo, são pessoas infelizes consigo mesmas.

    Priscila Paes disse:

    Fora os que eu deleto e não aprovo! Hahahahahaha Mas é assim mesmo, em todo lugar sofremos com isso né? E tem razão, essas pessoas são infelizes.

    Ananda Atman disse:

    Excelente post Pri! Sei extamente o que eh se expor um pouco mais e ser bomabrdeada de críticas por todos os lados, por pessoas que nao tem nada a ver com a nossa vida e se acham no direito de nos colocar o dedo na cara e apontar nossos defeitos por pura maldade. Mas eh como vc falou mesmo, devemos usar isso pra crescer cada vez mais!

    Te acompanho ha muito tempo e adoro seu blog, vc faz um trabalho de excelente qualidade, sou super sua fa! :)

    Bjaooo

    Priscila Paes disse:

    SIM, devemos usar isso a nosso favor, né? Obrigada por todo carinho!

    Marcela disse:

    Uhull! Adorei o post! Falou tudo.

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada!! =DDD

    Mel disse:

    Nossa Pri, muito bom e verdadeiro tudo o que vc disse! Sempre entro aqui, te acompanho há pelo menos uns 4 anos, mas nunca comento… vou te falar uma frase que eu ouvi um dia e mudou MESMO a minha vida, e devia ser um exemplo pra essas pessoas infelizes que te criticam: SE NÃO FOR UM COMENTÁRIO POSITIVO OU NÃO FOR DEIXAR A OUTRA PESSOA MAIS FELIZ DO QUE ELA ESTÁ, FIQUE EM SILÊNCIO! Isso me mudou mesmo Pri, em todas as áreas da minha vida, mas principalmente no meu trabalho, pq eu direto criticava os outros… me tornei outra pessoa, muito mais positiva!! Um grande beijo pra vc!!! :)

    Priscila Paes disse:

    Pois é, pena que nem todo mundo faz isso, né? =(

    Luciana disse:

    Parabéns pelo post !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada!! =)

    Manuela disse:

    Aaaaa eu gosto de vc… smp estou por aqui

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada!!!

    Manuela disse:

    Vc e muito bacana, vejo mta sinceridade no que vc escreve, acho muito explicadinho tdinho seu blog é mto mto bom

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada!! =DDDD

    Quezia disse:

    “Porque você não mostra como é a sua casa? Porque você não faz vlog? ”

    Ah, não tem nada!

    Mas realmente….cada dia pior…as pessoas ainda cobram o que elas também não são.
    Melhor vc não ligar!!
    Pq não tem jeito..eu não tenho blog..não tenho canal no Youtube..e passo por isso.
    Bjos

    Priscila Paes disse:

    SIMMMMM!! =(

    edy disse:

    pi, te acho linda e nao é só fisicamente, acho lindo o carinho com q vc trata cada pessoa que lhe posta um comentario vc faz questão de responder cada um, nem q seja com uma carinha rs. Mas acho lindo tbm a maneira como vc conduz o seu trabalho e a dedicação que faz com que cada detalhe faça a diferença no seu blog. Gosto cada vez mais de dar uma olhadinha aki diariamente. Pode ter certeza q quem acompanha seu trabalho sabe admira-lo e valoriza-lo. O resto? é melhor nem dar ibope…

    Priscila Paes disse:

    OHN! Que querida! Muito obrigada por todo carinho! <3

    Layna disse:

    Concordo que as pessoas deveriam ter mais cuidado com o que escrevem. Entretanto, toda pessoa pública está sujeita a mais críticas do que as anônimas, acredito que seja um ônus, mas é parte do trabalho. Se alguém acompanha seu trabalho, mesmo que em algum momento se expresse mal, deve ser tratado sempre com respeito, má educação não justifica grosseria! Me entenda, sei que você deve se chatear com as críticas, mas creio ser pré-requisito à sua profissão ter jogo de cintura.
    Gosto muito do blog, e por extensão de você, por isso deixo como sugestão que se espelhe em outras blogueiras que levam super de boa as críticas e saem sempre por cima, como a Shirley do Garotas Modernas.
    Desejo-lhe muito sucesso! Abraço!

    Priscila Paes disse:

    SIM, mas é disso que eu to falando, aprender a lidar com isso e não se abalar. Lembrando que crítica para te ajudar é uma coisa, e crítica para te ofender é outra, e são delas que eu me refiro, entende? =)

    Oi Layna, oi Pri,
    Achei o post por acaso e amei o texto e comentários.
    Mesmo ja tendo passado dos 40 e sendo psicóloga em uma época sofri muito com o cyberbullying, muito mesmo. A Shame prestou um enorme desserviço à autoestima de muitas mulheres. Acho uma tristeza um ser humano fazer o outro se sentir mal de propósito.
    Obrigada pelas palavras gentis,

    Suellen disse:

    Pri, muito bom o post, é isto mesmo! Penso da mesma forma, é tão chato ser rotulado a todo momento né? Bom saber que ainda existem pessoas que pensam que pode-se viver sem ser todo fitness, sem ter o corpo perfeito, se é que ele existe! Pois a beleza é diferente aos olhos de cada um, e isto é o que faz nossa vida tão especial!
    Obrigada

    Priscila Paes disse:

    Sim, cada olho tem um olhar de beleza, né? =D

    Mariana F. disse:

    Oi, meu pedido não tem nada haver com o post, peço até
    desculpas mas um dos meios que vi para pedir informação quanto a que produtos
    você indica para limpeza de pele acneica/oleosa, linha de cuidados em geral.

    Desde já, agradeço.

    Beeijos.

    Priscila Paes disse:

    Eu amo a linha Normaderm da Vichy!

    Meriluce Gomes disse:

    Oi Pri!
    Adorei seu texto, realmente é muito fácil para as pessoas criticarem de uma forma tão desumana outras pessoas que elas nem conhecem, nos colocam para baixo com seu poder avassalador de destruição. Já me senti assim tantas vezes e o que é pior, acreditava naquilo e simplesmente desistia de ir adiante. Depois desse texto aprendi que ninguém tem esse poder sem nossa permissão.
    Foi muito bom! Obrigada
    Beijossss

    Priscila Paes disse:

    Não desista não! =)

    Oi Priscila, é a primeira vez que escrevo aqui, pois eu não podia deixar de comentar um post lindo como esse, eu também tenho um blog que sempre usei como forma de hobbie e passatempo, mas acredito muito em pessoas que usam essa mídia forma de profissão, apesar de muitos dizerem que é fácil, eu sei o quanto é difícil, pois mesmo não tendo nada profissional eu vejo como dá trabalho pesquisar novos temas… E como pessoas que simplesmente não nada a ver com você entra em sua página para lhe machucar com palavras más….
    Uma vez eu fiz um post de natal, para desejar um feliz natal a todos, e coloquei uma foto da minha família… E pra minha surpresa entre tantos comentários lindos havia uma maçã podre…. Um comentário tão maldoso que me fez chorar muito…
    Mas hoje eu vejo que não vale a pena prestar atenção nessas pessoas, o que vale mesmo é ser feliz

    Beijos

    Priscila Paes disse:

    Não vale. Acaba machucando, afinal temos sentimentos, mas temos que aprender a não dar bola! =)

    anne disse:

    Não achei suas pernas finas e alias hoje em dia é o que é considerado bonito, perna grossa só é considerada bonita se for malhada de academia inclusive tem gente que faz lipo nas pernas, eu adoraria ter pernas finas mas também nao me incomodo com as minhas grossas. Voce é muito bonita e se veste bem bjos!

    Priscila Paes disse:

    Obrigada querida =D

    Déborah Hager disse:

    Simplesmente adorei o post. Se formos ligar para tudo que falam, a gente só tentará agradar os outros e não vivemos a nossa vida. Todo sucesso e positividade para você! :D Bjos*

    Priscila Paes disse:

    SIM, já pensou passar a vida agradando os outros e não vivendo nada? =(

    Daiane disse:

    Oi Primeira vez visito o blog. Gostei video . Falou pouco mas falou bonito.

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada! Seja bem vinda! =)

    Priscilla disse:

    Pura realidade!! Mas só com o tempo q aprendemos a separar as boas criticas das criticas invejosas e maldosas … Tive q aprender isso e hj não perco meu sono, por nada nem ninguém !! Nem Jesus agradou a todos …então..quem sou eu p/ querer agradar kkk

    *Não grite a felicidade, a inveja tem sono leve*

    Adorei o post !!!

    Bjusss

    Priscila Paes disse:

    Adoro essa frase, rs! =)

    Michelle disse:

    Parabéns Pri, simplesmente lindo e emocionante suas palavras sobre o vídeo, refletir sobre o que somos e não o que querem que somos é fundamental para nossa vida, afinal a nossa felicidade está em primeiro lugar e agradar aos outros em 100% nunca será possível. Te admiro muito, acompanho seu blog há anos, mas só agora resolvi escrever. Parabéns continue sempre sendo essa pessoa maravilhosa que você é, bjus e Feliz Páscoa.

    Priscila Paes disse:

    Ohn!! Muito obrigada!! =DDDD

    Natalia disse:

    Meus Parabéns! Te acompanho há um tempo, e fiquei de boca aberta com esse post!! Você tem toda razão no que disse, e como diz o ditado: ” Todo mundo vê as pingas que eu tomo, mas ninguém vê os tombos que eu levo”. Pessoas pra criticar realmente achamos a cada 30 cm, agora pra incentivar e valorizar é outra história!!! Pessoas felizes e bem sucedidas não enchem a nossa pacincia!!! Você é Linda, bem sucedida, inteligente e sabe o que quer !!!

    Parabéns!!!

    Priscila Paes disse:

    SIM! Esse ditado é pura verdade, né? Obrigada pelo carinho!

    Meire Gonçalves disse:

    Olá adorei td q li…todos nós estamos sujeitos a criticas e avaliação nem sempre construtivas, na maioria das vezes ouvimos coisas q não merecemos, maldades…mas isso é coisa de pessoas infelize…Ganhou uma admiradora.Bjus!!!!

    Priscila Paes disse:

    Sim!!! Infelizes!!

    Liaa Lunaa disse:

    Oii Pripoka ! Tudo bem ?
    Achei o post ótimo, vou começar agora no ramo de blog, não sei se vai dar certo ou não, mas não me importo, me sinto tão bem e feliz de falar de coisas que tanto gosto.
    E o que fazer com as más opiniões ?? Sinceramente, se fulano não gosta do meu cabelo, da minha voz, se acha que eu me maquio mal, por qual motivo então ela foi lá no computador dela e digitou o link do MEU BLOG ? E porque que ela assistiu o meu vídeo todinho, e mais ainda comentou meu vídeo e meu post. Sinceramente, quem faz críticas ruins tem inveja, e se te invejam é porque vc está no caminho certo, no caminho de se sentir cada dia melhor.
    Pripoka, te desejo todo sucesso do mundo, mesmo que talvez vc seja minha concorrente, mas idaí, vou estar fazendo o que eu amo da mesma forma.

    Um grande Beijo !
    Liaa Lunaa =)

    Priscila Paes disse:

    Não se preocupe em dar certo, se preocupe em ser feliz fazendo isso, porque aquilo que a gente faz por amor, dá certo!
    Jamais concorrente, a internet tem espaço para todos! <3

    Thaís Bandeira disse:

    O post mais perfeito que já li ! Retratou tudo que penso … E por que tanta maldade, MEU DEUS ? Estou sem palavras para elogia-la perante tanta coisa boa, verdadeira e positiva que você escreveu. Parabéns Pri! <3

    Priscila Paes disse:

    Obrigada querida =D

    Ola Priscila! Acompanho o seu trabalho ha tempos, mas nao assiduamente! nao sou inscrita nem no blog e nem no canal! Muitos coisas poderia te escrever , mas nao valem a pena! Pois em parte a minha concepcao mudou depois de ler este post! Ao contrario de voce eu sou gorda, e tenho um blog e um canal que falam de plus size, mas vejo que quem me acompanha sao muito mais as magras que propriamente o meu publico alvo! A vergonha, a pressao, a concorrencia de ser o que nao somos muitas vezes leva a fatalidades! Voce nao tem ideia de quantas vezes e quantas maluquices eu fiz com a minha saúde para entrar no padrão que exigia ” alguém “!!!! Cansei! Quem te ama e respeita o fará de qualquer maneira. A nossa felicidade basta para as pessoas que querem o nosso bem! Tudo de bom a voce e a sua vida! Muitas pessoas tem uma noção muito irreal das nossas vidas. Eu por exemplo, como moro na Suiça, e nao posso filmar dentro de lojas, muitas pessoas me cobram isso porque vem nos canais de outras pessoas! Mas aqui é EXTREMAMENTE PROIBIDO voce filmar em um departamento comercial ou governamental, e por isso muita gente acha os canais das blogueiras na Suiça MUITO POBRES. Será que vale a pena fazer entender???? Desisti!!! Nao vale!!! Eu simplesmente apendi a apagar e deletar! Nao vou passar mal por causa de mentes retrogradas e ignorantes, afinal eu tenho dois bebes e um marido que precisam de mim. Nao te vou deixar links por achar total falta de educacao! Gentilmente te convido se no caso de voce ter interesse ou tempo, visitar seja o blog ou canal! Procura por Abafa e Desencana e voce me achara! Bjo E que A LUZ SUPREMA DO DIVINO te abençoe a voce e a quem voce ama!

    Priscila Paes disse:

    Concordo com você. Mas é proibido mesmo, até mesmo aqui. O que você pode fazer é pedir autorização, mas nem sempre dão né? E essas pessoas, não tem o que fazer da vida, né!

    Larissa disse:

    Olá Pri.

    Simplesmente amei seu post, já tinha visto essa palestra e adorei também. E acho que a questão é essa mesmo, muitas pessoas se preocupam em criticar pra se sentir melhor psicologicamente. Apenas lamento por pessoas que agem de tal forma.

    Amei, beijos!

    Larissa | Ex Blog

    Priscila Paes disse:

    Lamento também =(

    Michele disse:

    Amei tudo que vc escreveu, além de estar certa, ainda foi super motivador!

    Beijos :)

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada =DDD

    Priscila Garcia disse:

    Pri parabéns!!!!
    simplesmente um dos melhores posts que já vi em um blog. Como já comentei, ñ sou mto de comentar, mas venho diariamente aqui no seu blog, sempre aprendo algo, vejo uma novidade, enfim. Entro em outros blogs, vejo cada comentário… absurdo, fico pensando o que a pessoa vai ganhar com isso, isso realmente a fez bem, a transformou, de que forma a critica que ela fez contribuiu pro seu ou para o crescimento dela (digo isso criticas ridículas). Qta maldade, a troco de que?! Pra que?! Pra que perder o tempo vir ir no blog da pessoa só pra procurar defeitos?!
    Todos nos erramos, todos os dias e varias vezes ao dia. Ninguém é todo certinho e lindo ou feio sem conserto. Tudo é questão de aceitação e vontade de se transformar…
    Tenho muita vontade de ter um blog, e se DEUS permitir ainda vou ter, e dsd de já, já peço mta sabedoria e paciência, pois sei q vou estar exposta a tudo isso.
    Mas enfim, não ligue msm, pessoas q fazem isso ñ são felizes, precisão disso pra se sentirem superior de alguma forma…
    Adoro seu blog, seus posts tão detalhados e completos. Da pra ver seu empenho pra faze-los.
    Continue esse lindo trabalho, que com toda certeza ajuda mtaaaa gnt.
    Que DEUS ilumine sua cabeça, seus caminhos, sua família e seu lar. Que lhe de paciência e sabedoria pra sempre seguir em frete.
    Adoroooo vc!!!
    Sou um super fã sua.
    bjossss

    Priscila Paes disse:

    SIM, é preciso muita paciência mas a gente vai aprendendo a lidar com o tempo. Como você disse, só nos trás sabedoria! Obrigada por todo carinho! E crie seu blog, viu?

    Cristina disse:

    Sinceramente,você é outras que acompanho tem sim umas coisinhas pra melhorar, mas NUNCA sairia da “minha boca” algo sobre nariz, dentes e etc o que acho as pessoas tem direito de opinar é iluminação, música de fundo muito mais alta que do sua voz… Tem mesmo muita gente que não tem capacidade de fazer um terço do que VC faz (mas não somente aqui, em todo lugar) que encontra alguma alegria em ser maldosa com quem INVEJA, então please não se abata por gente de espírito tão pobre e frio, continue sim nos trazendo os lançamentos e novidades que adoramos! super beijo!

    Priscila Paes disse:

    SIM, eu acho válido opinar para melhorar, até porque as vezes você não vê seu próprio “erro”, mas tem gente que não sabe fazer isso e quer, muitas vezes, ofender, né? Obrigada pelo carinho!

    Victoria Lima disse:

    Pri, achei tão legal você abordar esse assunto no seu blog. Apesar de a gnt estar vendo por ai tanta baboseira, tanta futilidade, gostei de chegar no seu blog e ver não apenas vc retratar de algo importante, mas de dar um espaço pra uma reflexão que vale a pena, gostei de vc ter se expressado através desse assunto se usando como exemplo pra nos mostrar que todos nós estamos envolvidos nisso tudo de alguma forma. Achei que vc abordou esse assunto com seriedade e sensibilidade. Super apoio esse tipo de “conversa” aqui :)

    Priscila Paes disse:

    Oba, que bom que gostou!! Fico muito feliz!! =DDDD
    Vou falar mais vezes sobre isso!!

    Fernanda disse:

    A muito tempo eu tenho vontade de começar um canal no Youtube, pra compartilhar as coisas que eu acho legal, dar dicas e etc e justamente o que mais me impede é isso. Tem tanta gente por ai que deve ter uma vida tão, tão, tão chata, que se propõe a criticar a vida dos outros, a atacar quem não conhece, a falar mal de coisas que são tão superficiais… é bem isso que você disse, quem tem uma vida feliz não perde tempo criticando a dos outros. Mas enfim, não sou de ferro, não sei se eu saberia lidar tão bem com isso.
    Parabéns pelo post, espero que quem realmente precisa ler isso, leia e reflita um pouco.

    Priscila Paes disse:

    Ah, mas não deixe de fazer aquilo que você gosta só por causa disso, viu! Não vale a pena! Seja feliz! =D

    Bruna Kepe Silveira disse:

    Gostei muito do que você escreveu. Ainda não conhecia seu trabalho, comecei a te acompanhar a pouco pelo IG e essa é a 1•vez que leio seu blog.
    Gostei das tuas palavras, você colocou tudo de uma forma muito humilde, diferente de outras blogueiras que recebem críticas pelo que usam e respondem dizendo que usam o que gostam e quem não gostar, problema.
    Fico feliz por encontrar pessoas com sua cabeça nesse mundo virtual tão cruel.
    Obrigada pelas palavras. E te desejo toda felicidade.
    Beijos,
    Bruna.

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada querida! Fico muito feliz! =DDDDDD
    Seja bem vinda aqui!!! Volte mais vezes!!!

    Jéssika Gabrielli disse:

    Pri!

    Sou sua fã à uns 3 anos! Te “sigo” noite e dia, aqui no blog, no insta, no face… você é uma inspiração para muitas meninas, principalmente pra mim!
    Esse post foi show, demais mesmo! Não devemos focar na aparência externa, pois o que importa mesmo é a ESSÊNCIA, o caráter e a honestidade…Adianta ser lindo por fora e um “bobo” nas atitudes? Vejo muitos caras e gurias obsessivos pelo corpo perfeito e esquecem de “viver de verdade”…
    Te admiro muito Pri, continue sempre assim.
    Adoro você! <3

    Priscila Paes disse:

    SIM! Concordo com você! =D
    Obrigada por todo carinho!

    Raquel disse:

    Adorei seu post, essa é a primeira vez que comento. Mais todos os dias entro no blog. Parabéns pelas palavras, vc está certíssima, ame a si mesmo, e não as críticas dos outros, pq nos olhos dos outros, nunca vai estar bom, e pessoas que fazem isso, não estão felizes, pq gente feliz não tem tempo de ficar fazendo isso. Continue assim. Faça o que te faz feliz, e é isso que importa, pessoas que preferem agradar aos outros do que a si mesmo, sempre vai existir um vazio, e esse tempo passará, e será tarde demais viver. Bjs

    Priscila Paes disse:

    COM CERTEZA, disse tudo!! =)

    Cida disse:

    Excelente post, devemos fazer e usar o que nos faz feliz e ponto!

    amei “Porque quem tem uma vida feliz, não perde tempo criticando a vida dos outros.”

    bjus bjus

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada!! =D

    Caroline disse:

    Oi Pri,
    Sou sua leitora já faz muito tempo, mas sinceramente acho que nunca ai parei para comentar nenhum post.
    De uns tempos pra cá resolvi fazer um blog para começar a falar do que eu tb amo (maquiagem)…mesmo morrendo de vergonha cheguei a cogitar a hipótese de gravar vídeos. Foi ai que comecei a reparar os comentários desnecessários que esse povo faz na internet. Não consigo entender pq precisa ofender as pessoas. Se não gostou sai fora, não curte…
    Fiquei super desanimada e hj meu blog esta abandonado.
    Eu não sou nem de perto magrinha e linda como muitas que vejo na internet, e por isso acabei desanimando.
    Esse seu post me fez parar para refletir novamente. E mesmo não sendo o “padrão” de beleza da sociedade pq preciso deixar de fazer o que gosto? Realmente acho que devemos juntar toda essa negatividade e transformar em força!
    Desejo de coração que vc continue nessa jornada. Seu blog e seu canal do youtube são maravilhosos!
    Super beijo =)

    Priscila Paes disse:

    Pois é, quanto mais você se expõe, mais as pessoas acham que podem te criticar. Infelizmente o mundo é assim, né? Mas não deixe de fazer aquilo que gosta por conta disso! =)

    Ana Paula disse:

    Olá Pri! Sempre te acompanhei, mas não sou muito de comentar, mas com esse post maravilhoso, não tinha como deixar de comentar. Concordo em tudo que vc disse, eu tenho um blog e um canal e sempre estou com medo de receber criticas destrutivas, mas sempre penso, não posso deixar de querer realizar algo por conta de outras pessoas. Como vc disse, essas pessoas não sabem realmente quem somos. Isso acontece tbm fora do mundo virtual, as pessoas são maldosas e temos que passar por cima disso e não deixar de correr atrás de nossos sonhos.
    bjsss

    Priscila Paes disse:

    SIM, acontece muito fora do mundo virtual, é o tempo todo em todos os lugares, né? =)

    Thayna Mousinho disse:

    Sou sua seguidora a pouco tempo mas ja gosto demais do blog. Quando leio os comentários maldosos fico me perguntando: essa pessoa não tem vergonha de escrever isso? Quando não gosto de algo que leio não comento, pronto simples assim! Não seria mais elegante se as pessoas ficassem com seus comentários ofensivos para si? Admiro quem escreve blog, requer tempo, dedicação e acho que vcs blogueiras super inteligentes e criativas (na boa eu seria uma péssima blogueira rsrs!). Priscila, absorva somente os comentários bons do seu blog, não só do seu blog, mas comentários e elogios de forma geral. Beijo

    Priscila Paes disse:

    SIM, esses comentários valem pra vida, pra gente não absorver nada de ruim, né? Não sei o que essas pessoas tem na cabeça, viu! Muito obrigada pelo carinho!

    Susana Clemente disse:

    Pri… chorei :'(
    após assistir o vídeo, li o post e quando me deparei com essa verdade que vc escreveu “Ou você está magra demais, ou está gorda demais. E se está no peso ideal, não está definida o suficiente, ou o problema agora é o cabelo que é curto demais, comprido demais, com a cor errada para o tom de pele, usa muita maquiagem, usa pouca maquiagem, não sabe escolher a roupa adequada… A todo momento estamos sendo julgados por todos ao redor, já repararam nisso?”
    Não segurei a lágrima…
    Me identifiquei de mais com seu texto! Desejo tudo de ótimo pra você e gostaria que vc soubesse que te sigo a pouco tempo e estou amando isso aqui!
    beijinho

    Priscila Paes disse:

    A verdade é que sempre vão achar algo para noa julgar, nunca seremos 100% para os outros, mas como disse, são só os outros. =) Seja 100% para você!
    Obrigada por todo carinho!

    Flávia disse:

    Ó como são as coisas: eu acho suas pernas MARAVILHOSAS, e se minhas pernas fossem como as suas, eu ia usar só short e saia!

    Priscila Paes disse:

    Ohn! Poxa, muito obrigada! Fico feliz! =DDDDD

    Danny disse:

    Pri mto bacana esse post Amei seu texto e vc tá certíssima em tudo!
    Vc é mto especial pra mim forever <3
    xoxo <3

    Priscila Paes disse:

    Muito obrigada, querida! Vc é uma leitora muito especial! <3

    Deisy Perozzo disse:

    Oi Pri, texto perfeito. noite passada mesmo nem dormi, de agonia no coração dos coments que fizeram numa foto, não entendo pq as pessoas tem que ser tão cruéis. Se a maquiagem está “ruim” desatammm a falar, se está boa, é fotoshop, não é fácil. Essa vontade de jogar tudo pro ar, eu tive e fiz..sumi da internet, mas voltei, te muito mais pessoas que valem a pena, do que pessoas ruins, como vc disse, a gente aprende a lidar! Te acompanho desde sempre…bjosss

    Priscila Paes disse:

    Sim, tem que passar por cima! =)

    Lilian disse:

    O grande problema destas “críticas” é que se vc não tiver uma base emocional e familiar muito bem fundamentada pode ser o fim.
    Penso que as pessoas não precisam saber quais são os seus sentimentos e sim que todas as pessoas têm sentimentos! O importante é que vc está conseguindo fazer do limão uma limonada, o limão apesar de ser azedo, tem vitaminas e é importante e a limonada vc pode servir para várias pessoas. É ruim? é, mas se tiver sabedoria vai te tornar uma pessoa melhor a cada dia. ok?

    Priscila Paes disse:

    Pois é, tem que ter uma base muito forte para “não pirar”, né? =(

    Carla disse:

    Olá Pri.
    Confesso que tinha deixado de acessar seu blog há um bom tempo, não só o seu mas de uma boa parte pois estava tudo igual, divulgação de produtos na mesma semana em todos, não via personalidade ou algo que acrescentasse. Desculpe minha sinceridade.
    Hoje você me surpreendeu. Como seu blog está na minha atualização de feeds vi sobre o video que já tinha visto por ai mas nunca tinha parado pra assistir.
    Seu texto hoje foi brilhante, real e mostrou sua essencia. Do que adiantaria tantos produtos e camuflar a auto estima ruim, não é? Se sempre tivesse texto assim sobre comportamento/auto-estima, e você escreve bem sobre isso, viraria presença constante no seu blog.
    Com relação ao video é realmente uma lição tanto pra quem agride quanto pra que já foi agredido pelo julgamento dos outros seja de qualquer nivel de “gravidade”. Tem coisa pior do que aquela singela olhada julgadora da cabeças aos pés que algumas pessoas tem?
    A parte que me deixou triste foi ela dizer que a familia que ela queria construir está fora de questão.
    A sociedade infelizmente tem muito a evoluir mas vamos nós cada um fazendo nossa parte neh.
    Continue com textos assim Pri :)
    bjss

    Priscila Paes disse:

    Isso acaba acontecendo porque todo mundo acaba recebendo os mesmos produtos ao mesmo tempo, ai as resenhas acabam entrando no ar juntas, entende? =) Mas eu super entendo.
    Eu ADORO escrever sobre isso, vou ver se escrevo mais. Só preciso de um BAQUE pra despertar, sabe? Vou escrever mais vezes, com certeza! =)
    Muito obrigada!!!

    Carla Cristina Santos disse:

    Pri, nunca passo aqui pra comentar, mas hoje me senti na obrigação…

    Vc é uma pessoa maravilhosa, uma das resenhas mais confiáveis da internet, uma pessoa sincera e carinhosa com as leitoras, além de ser linda!

    Críticas abalam sim, ainda mais quando são ríspidas e com um tom de deboche. É ridículo mesmo, a gente se esforça pra estar sempre bonita e não descuidar da pele e do corpo, mas tem sempre alguém pra apontar o dedo. E não é só vc blogueira que sofre isso. Somos nós na faculdade, ou no trabalho, ou no shopping… Perdi as contas de quantas vezes fui medida de cima a baixo, e isso me incomoda demais.

    O que falta nas pessoas é muitas vezes espelho! Certamente que essa mesma pessoa não ia gostar de receber comentários agressivos, então pra que ela faz isso? Muitas vezes é falta de amor, ou de Deus no coração, ou é recalque mesmo (tá batido mas é válido rsrsrs)

    O que eu quero dizer é: se tem uma falando mal de vc, pode ter certeza que terão 10 pra te defender! Continue sendo essa mulher amorosa e meiga que não vão faltar leitoras te apoiando (como eu!)

    Beijos!

    Priscila Paes disse:

    Pois é, em qualquer lugar, sempre vai ter alguém colocando o dedo na sua cara e falando mal de você. Infelizmente, né? Obrigada por todo carinho! <3

    Natália disse:

    Nossa Pri, um dos seus mais maduros. Q bom q vc amadureceu e tá conseguindo superar essas críticas de pessoas idiotas que passam a vida na frente do computador tentando destruir as pessoas que conseguem tudo aquilo que elas queriam ter, mas que nao têm capacidade para alcança-lo! Esse post serviu pra mim como inspiração, sabe ?! Eu moro em Portugal, e ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, muitos dos nossos ” irmãos lusitanos” não vão muito com a nossa cara. Eu já sofri muito preconceito na escola quando eu cheguei aqui. Sabe oq é vc passar no meio de um grupo e um monte de menina ficar fofocando para ti deixar envergonhada ? Sabe oq é vc estar numa sala e ninguém vim falar com vc ? Pois é, eu passei por isso. Mas hj, graças a Deus, eu sou mais madura e sei o meu valor. Sei que as pessoas q olham para mim torto é pq, no fundo, queriam ter um pouco de mim. E esse post me ajudou a ver isso. Muito bom vc compartilhar com a gnt isso. Eu vejo constantemente no facebook algumas pessoas ti chamando de fútil de isso e aquilo. E eu sempre q leio penso: – mas q merda! desse jeito ela vai acabar desistindo do blog.. e agora eu vi q vc é mto mais forte do q eu pensava. Ti acompanho a muito tempo, Pri. E torço mto por vc ! muita força, muito foco e muita fé ! Beijão ;)

    Priscila Paes disse:

    Poxa, é um caos isso e bulliying tem em todo lugar né? Hoje em dias as críticas são o de menos, nem dou bolas pra elas, rs. =)

    Nathália disse:

    Nossa.. ainda tô meio sem palavras.
    Comecei fazendo uns vídeos no youtube, apenas para as pessoas próximas que pediam dicas sobre meu cabelo e penteados, e felizmente – ou infelizmente – começaram a ter bastante acesso. Porém nada com que faça eu largar tudo e viver disso, pelo contrário, só os faço quando tenho bastante tempo livre – e vontade, rs.
    E depois de um tempinho sem entrar no meu canal, ontem eu entrei e me deparei com vários elogios, e também, com várias críticas. Meu Deus, como é ruim ler essas coisas sobre você mesma! Você tá ali, se esforçando, fazendo de tudooo pra que fique bom, e tem pessoas que acham defeito na ponta dupla que tem no seu cabelo. Na porta do seu guarda-roupas que está aberto. No seu esmalte que é vermelho, mas não combina com sua pele.
    Juro que chegou a passar pela minha cabeça “f*da-se! eu vou deletar meu canal”, por mais que as críticas sejam a minoria, dá um cansaço espiritual, sei lá!
    E seu texto caiu como uma luva! Não somente no assunto dos vídeos, mas também porque deixo de comer coisas que amo – claro que não enfiar o pé na jaca – só pra poder ficar em forma..
    O mundo realmente tá maldoso hoje, Pri, e esse seu texto deveria ser esfregado na cara de todo mundo!
    Obrigada, você me ajudou muito! Me colocou pra cima..
    Te admiro desde sempre, e agora aumentou ainda mais a admiração!
    (Desculpe o desabafo! rs)
    Beijos e muuuito sucesso!!!

    Priscila Paes disse:

    JAMAIS delete o canal. As pessoas que criticam sempre vão existir, em qualquer coisa que você faça, e é um aprendizado diário lidar com isso. Mas não fique assim, continue com seus penteados e me passa o link, poxa! Sou maior tapada pra fazer coisas no cabelo! hahahahahahaha
    Beijos

    Andreia Vieira disse:

    PARABÉNS é o mínimo que você merece por esse post. A mulher atualmente está submetida a uma ditadura da beleza e da perfeição (inatingível, diga-se de passagem), que nada mais representa a perversidade e maldade de uma sociedade machista, desumana e sem valores. Aquelas que não possuem a firmeza e segurança de quem realmente são, padecem e se destroem nessa busca por algo que nem elas mesmo elegeram como objetivo ou forma de vida.

    Priscila Paes disse:

    Disse tudo! =)

    viviane disse:

    Já passou algum tempo que você colocou esse video, mais por incrível que pareça me serviu muito agora apos ter visto umas fotos na festa da minha sobrinha. Eu desde de novinha sempre estou brigando com meu peso e para variar ainda tenho um problema na tireoide que dificulta mais ainda, nada pode comer, malhar sempre e a uns minutos atrás estava eu falando com meu esposo ” tenho que perder peso e não sei mais o que fazer”.
    O video que você postou me tocou profundamente e tenha certeza que esse é o caminho que Deus lhe deu, pq se não fosse essa sua postagem agora ainda estaria me sentindo péssima. Mais sucessos e abraços.

    Priscila Paes disse:

    Ohn! Que bom que está se sentindo melhor, esse vídeo é incrível né? =)

    Niki disse:

    Boa noite, Pri!
    Acompanho seu blog há algum tempo, embora nunca tenha comentado aqui. Também já vi esse vídeo da Lizzi e me emocionei demais.
    Como sou “sua cliente antiga” rs, já vi posts aqui e não gostei mto do conteúdo, ou do look do dia, ou seja lá do que for, e nem por isso vim aqui te criticar. Sou do time “se não for pra elogiar, fica de boca fechada”.
    Também te acho uma das blogueiras que atualmente, mais me influenciam; vc é super criteriosa e suas resenhas são super caprichadas, realmente vc mostra que se importa em passar o que vc achou do produto. Faz swatches, video, tudo pra tirar todas as nossas duvidas, não foca apenas no jabá. Tb vi que vc tem amadurecido mto, e isso me deixa mto feliz. Os produtos que vi aqui e acabei comprando sempre tiveram o efeito desejado, e isso conta mto. Não deixe que críticas destrutivas te abalem, busque apenas ser melhor. Sempre! E não se esqueça: Quem é tua seguidora fiel pode até não comentar aqui direto, apenas te segue e confia nas tuas dicas. Grande beijo!!

    Priscila Paes disse:

    Ohnnnnn! Que linda! Poxa, muito obrigada, não sabe o quanto fico feliz. Eu amo resenhar produtos e sempre tento expor 100% do que acho nos mínimos detalhes que consigo, rs. Obrigada por todo carinho!

    Cássia disse:

    Own, que fofa vc… Fico feliz por vc estar feliz por mim. E a minha força vem do momento difícil. Minha mãe está com câncer de mama, e nesse momento é necessário que eu seja forte.
    Quando falo pras pessoas que conheço você, poucas acreditam. “nossa, mas nunca vejo ela falando com você”, mas ninguém entende que pra ter um carinho mútuo não necessita estar íntimo de outra pessoa. Por mais que a gente se fale pouco é sempre um papo rápido de carinho, conselho e companheirismo. Daquele tipo: eu super te entendo e compreendo o que vc tá me contando. Claro que eu gostaria que a gente conversasse com mais frequencia, te conhecer pessoalmente. E vai acontecer! O importante é a afinidade, o carinho e os barulhos seus que eu vivo comprando. Porque odeio que venham falar de vc pra mim. Pelo simples fato de não concordar com os outros. Continue sempre assim, linda e iluminada. Como já te disse, você é sucesso.

    Priscila Paes disse:

    Nossa, e a gente “se conhece” há tempos né? Rs Obrigada por todo carinho. Tenho certeza que cada dia você será mais forte e esse momento vai passar! =D

    Paula Souza disse:

    Pri adorei o post! Tô nessa de blogar vai fazer 5 anos em junho e já recebi comentário maldosos que me deixaram arrasada. Lembra da blogueira shame? Já fui parar no blog dela umas duas vezes e os comentários das pessoas eram tão tristes, tanta raiva, tanta maldade. Criticavam a minha magreza, que eu tinha problema de saúde, que eu era feia, que eu ficava feia nas fotos…enfim, fiquei muito mal, mas vi a quantidade de visitantes que ganhei pro blog hahah e isso só engordou as views daquele mês e destaque da postagem e fora as meninas que viram o link e gostaram do blog. Comecei e ver com outros olhos e lembrei de uma frase muito antiga da época da minha adolescência “Falem bem ou falem mal, mas falem de mim”. Passei um tempo sem receber esses comentários, mas agora aos poucos vejo alguma coisa, e tb quando posto vídeos com meu noivo tipo “nossa como ele é feio”. Povinho mal amado cara!
    Lembro de uma época que o povo te criticava demais, achava aquilo uó e pensava como vc suportava. Você, G, Branquela, Kah, Bruh Tavares, Nina, Taci…São as que acompanhando diariamente há anos e me influenciam bastante rsrs mas é impossível agradarem todas as leitoras sempre e é normal as vezes alguma não se identificar assim como acontece comigo as vezes, mas não vai ser por isso que vir aqui e comentar coisas maldosas de vocês. Quero acrescentar porque adoro vocês e não colocá-las pra baixo fazendo com que pensem em parar. Isso é coisa de gente que não se ama, não é feliz, gosta de intrigas. Triste mesmo!
    Adorei mesmo o post! Espero um dia conhecer vocês pessoalmente e agente poder compartilhar experiências *-*
    Beijão de uma leitora que gosta 100% do seu blog, vídeos, redes sociais e que adora demais você do jeito que é <3

    Priscila Paes disse:

    Olha, se eu for contar quantas vezes eu fui pra Shame… Mas isso passa, também ganhei várias visitas e leitoras por causa dela, e é isso que temos que levar pra gente, sabe? Não dê bola, não vale a pena! =D Obrigada por todo carinho!

    Paula Souza disse:

    Meu dels quantos erros hahaha Desculpa Pri…Escrever com pressa dá nisso :p Cara, escrevi AGENTE kkkkkkkkkkkkkk #tenso
    Não consegui excluir pra reescrever D:

    Beijão Lindona!

    Priscila Paes disse:

    Hahahahahahahahaha Magina vou ler =D

    Quézia disse:

    Lindo, lindo, lindo texto!
    O vídeo também é maravilhoso!
    Ameeei tudo!
    Estava precisando de algo assim…
    Às vezes a gente se sente tão cobrado pelo mundo a ser uma coisa que não somos e não queremos…
    Falta amor no mundo, nas pessoas.
    Não entendo o porquê de tanta negatividade!
    Temos de ficar alertas, para que isso não nos afete!
    Beijos, querida!
    Fique com Deus!
    Sucesso!

    Priscila Paes disse:

    Exatamente! ;) Obrigada pelo carinho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *